banner blogueira iniciante.png
banner marketing digital.png
banner morando sozinha.png

7 fatos sobre alongamento de unhas!

May 30, 2019

Muitas de nós temos algo em nós mesmas que gostaríamos de mudar, seja o cabelo, peso, cor dos olhos... no meu caso, o que mais me incomodou (a vida  toda) foi o fato de minhas unhas serem super frágeis e quebradiças.

 

Como vocês já sabem, este ano eu fiz meu tão sonhado alongamento de unhas em fibra de vidro com a profissional maravilhosa Je Klein aqui em Carazinho, no Rio Grande do Sul. 

De longe, a melhor profissional do ramo das unhas que tive o prazer de passar pelas mãos. 

Super cuidadosa, delicada, extremamente profissional e preciso admitir, me faz rir muito com as brincadeiras!

 

Mas chega de enrolação, vamos ao post! 

 

7 fatos curiosos sobre alongamento de unhas!

 * Todas as informações vieram de uma PROFISSIONAL da área.

 

 

1 - Unhas não respiram

Isso mesmo! Unhas não respiram!

A unha é formada por várias camadas constituídas principalmente de queratina.

 

As camadas mais superficiais, a que chamamos de Lâmina Ungueal não tem vida, ou seja, constitui-se de células mortas. Todos os nutrientes e a hidratação da unha vêm das camadas que se fixam com a pele, chamada de Leito Ungueal.

 

Dessa forma, não há necessidade de retirar o alongamento das suas unhas para que ela respire! Você pode manter o alongamento por quanto tempo desejar desde que sua unha permaneça saudável.

 

Aí surge a pergunta: mas porque então a manicure diz que devo retirar o esmalte para a unha respirar?

Os esmaltes comuns passam por um processo de oxidação ao longo do tempo que permanecem nas unhas, por isso, quando ficam tempo demais, podem causar amarelamento, manchas ou o enfraquecimento das unhas.

 

 

 

 

2 - Alongamento não precisa ser longo

Independente da técnica aplicada, o alongamento de unhas pode ter o formato e comprimento que a cliente deseja.

 

Durante o procedimento a profissional define juntamente com a cliente qual o melhor formato e cumprimento levando em consideração a ocupação da cliente, o formato da sua unha natural, estilo e gosto da cliente.

 

Ainda, existem princípios de visagismo que podem ser aplicados para escolher o formato e cumprimento da unha, levando em consideração a imagem desejada pela cliente e o formato mais adequado para sua mão. 

 

 

 

 

3 - Estrutura é sinônimo de resistência!

Ter uma unha alongada resistente tem muito pouco haver com o tipo de alongamento. Na verdade, tem tudo haver com a FÍSICA!

 

Quando comparamos alongamentos existem duas diferenças básicas: a base de alongamento (tip, molde, fibras de vidro) e o produto utilizado na construção.

 

Bases de alongamento: todas elas funcionam muito bem, desde que aplicadas com a ESTRUTURA correta! 

 

Dois pontos crucias no alongamento: curvatura e ponto de tensão.

 

Vou explicar: o ponto de tensão é um acúmulo de gel intencional na região da unha que mais sofre pressão, e a curvatura é aquele arredondado (ou meia lua) que enxergamos quando vimos a unha de frente, que a deixa mais delicada e natural (e não parecendo um leque).

 

Muito mais que estética, esses parâmetros da estrutura, que aplicados corretamente, farão com que sua unha não quebre e não caia!

 

 

 

4 - Produto ruim é problema certo!

Esse tópico é assunto sério! Muito sério!

 

O uso de produtos para alongamento ruins pode causar sérios danos a saúde das unhas. É muito comum ouvir relatos de reações alérgicas, inflamações ou fungos causados por produtos de má qualidade.

 

Existem casos de meninas que usaram gel (desses "importados"/"baratinhos") e desenvolveram alergia tão forte que até esmalte não conseguiam mais usar.

 

Existe também profissionais que com o uso prolongado desses géis desenvolveram alergia ao pó de gel, tendo que parar de atender para se recuperarem.

 

Outro perigo está na durabilidade desses produtos, geralmente muito baixa, causando rapidamente descolamentos, infiltrações e fungos nas unhas (os produtos não são os únicos responsáveis por esses problemas, mas são uma das causas mais comuns). 

 

 

 

 

5 - O esmalte NÃO sai!

Essa é a coisa que eu mais amo nos alongamentos! O esmalte simplesmente não sai, não descasca, não levanta, não amolece na água quente e demora muito pra perder o brilho.

 

Você não precisa pintar as unhas toda semana com o alongamento, só se você quiser porque enjoou do esmalte!

 

O esmalte sai das unhas naturais por dois motivos:

 

Oleosidade: nosso corpo produz oleosidade nas unhas também e isso diminui a aderência do esmalte nas unhas, fazendo com que qualquer batidinha o esmalte se desprenda das unhas. Pessoas com excesso de oleosidade tendem a ter maior dificuldade à aderência do alongamento, necessitando de um preparo especial e menor tempo entre as manutenções. 

 

Temperatura das mãos: quem tem as mãos muito quentes, além do esmalte se amolecer nas unhas e sair com facilidade, tende a transpirar muito nas mãos, fazendo com que as unhas estejam constantemente úmidas. Essa umidade proveniente do suor diminui a aderência do esmalte e do alongamento também (da mesma forma que a oleosidade). Então, quando estamos com o alongamento nas unhas, criamos uma barreira entre as unhas (e a sua oleosidade/umidade) e o esmalte e ele fica ali, lindo, inteiro e brilhoso!
 

Ok, mas e quem tem oleosidade alta ou mãos quentes vai durar o alongamento??

Vai sim!! Para resolver esses problemas basta a preparação adequeda e uso dos produtos corretos para esse tipo de unhas e o alogamento fica firme e forte, mas tem que fazer a manutenção no tempo correto!

 

 

 

6 - A cabine LED/UV NÃO causa câncer!

Essa é polêmica! Mas vamos aos fatos: a luz emitida pelas cabines de secagem de gel é do tipo LED (a qual não tenho conhecimento até o momento em ter relação ao câncer) e UV (raios ultravioletas).

 

Existem 3 tipos de raios UV, UVA que é muito fraco e praticamente não causa danos à pele, UVB que são os raios solares, que em exposição demasiada causam problemas de pele, e UVC que é altamente perigoso por causar danos ao DNA de algumas células.

 

Os raios emitidos pelas cabine são do tipo UVA, ou seja, muito fraco para causar danos à pele. Ainda, o tempo de exposição é de poucos minutos, uma vez ao mês (em média). Por último, a potência desta luz nas cabines também é baixa.

 

 

 

7 - Sua unha volta a ser exatamente igual como era antes do alongamento!

A pergunta que mais recebo é: alongamento estraga as unhas? a resposta é bem simples...

Se você cuidar corretamente e seu profissional for bom, NÃO DANIFICA AS UNHAS! 

 

Um bom profissional vai utilizar bons produtos, técnica correta e vai orientar seu cliente a ter o cuidado adequado com o alongamento.

 

A cliente, se realizar as manutenções no tempo certo, não arrancar o alongamento no dente ou danificar a todo momento e quando quiser retirar fazer com o profissional, vai ter as unhas saudáveis sempre!

 

E tem mais: as unhas estão em constante crescimento, mesmo com o alongamento, elas se renovam completamente em um período entre 4 a 6 meses.

 

 

 

 

BÔNUS:

Você pode manter o seu alongamento por quanto tempo você quiser!

Claro, como já disse, exige um bom cuidado e um bom profissional. 


Vou fazer uma comparação pra entender bem: se você vai ao cabeleireiro e faz uma química x pra mudar a cor, ele fica lindo, mas você precisa cuidar em casa em cada lavagem, além de hidratar periodicamente.

 

Agora, se você resolver que não quer mais aquele cabelo, pegar a tesoura e cortar em casa, há grandes chances de você acabar com seu cabelo. Mas ele crescerá novamente, natural e como sempre foi! com as unhas alongadas acontece igualzinho!

 

 

 

E ai, já sabia de alguma destas curiosidades? Tirou suas dúvidas? Me conte nos comentários! 

 

 

Ficou interessada em fazer alongamento? Chama a Je Klein, pode ter certeza que não irá se arrepender do trabalho desta incrível profissional! 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Please reload

Todos os direitos reservados. Blog Bruna Mertz.